O encontro.

Os olhares encontraram-se
Por meio segundo o que antes era perdido se fez achar
Por um breve instante se pertenceram
Para num piscar se desencontrarem
Até nunca mais se acharem.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

"A beleza do morto"

A demasia do excesso.

Sabedoria canina